Connect with us

Geral

Hopi Hari define cronograma de reabertura e medidas sanitárias anticovid-19

Published

on

Hopi Hari

O Hopi Hari, parque temático em Vinhedo (SP), definiu cronograma para reabertura baseado na flexibilização da quarentena do Estado de São Paulo e num rígido protocolo sanitário definido em conjunto com a Associação dos Parques de Diversões do Brasil (Adibra), o Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat) e dezenas de parques do Brasil. As medidas, aprovadas pelos órgãos de saúde, se basearam em protocolos internacionais adotados por complexos turísticos de vários países.

Medidas adotadas

Para reduzir a chance de aglomerações, o parque operará, por tempo indeterminado, com 30% de sua capacidade estabelecida pelo Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB). Além disso, o parque funcionará inicialmente apenas aos sábados e domingos, em horário reduzido – das 10h às 17h, e mediante agendamento pelo site para evitar ultrapassar o limite diário.

A partir da data de reabertura, só serão aceitos visitantes utilizando máscaras de proteção – cujo uso é obrigatório durante toda a permanência nas dependências do parque – e com temperatura corporal inferior a 37,8ºC. A medição será feita logo na chegada, antes da entrada do estacionamento, possibilitando já a saída daqueles que não se enquadrarem no critério. O mesmo vale para todos os colaboradores que venham de ônibus fretado, carro, moto ou outras formas de transporte.

Mais do que nunca, os visitantes devem seguir toda e qualquer determinação dos colaboradores no que diz respeito ao distanciamento social, do momento da chegada ao retorno para casa. Isso inclui o melhor posicionamento dentro das atrações, na ocupação de assentos, bem como nas mesas e cadeiras dos restaurantes e lanchonetes. Em todas as filas, a distância deve ser respeitada a partir das hopegadas (demarcações de solo).

Na entrada e saída de todas as atrações, será obrigatório utilizar álcool em gel, e também ao realizar quaisquer transações em lojas, restaurantes e lanchonetes (são mais de 70 pontos de álcool em gel espalhados por todo o parque).

No caso das atrações pagas à parte, como o Hadikali e a Tirolesa, deverá se respeitar o agendamento, voltando até o local do brinquedo apenas no horário marcado.

Além de sinalizar ao máximo suas dependências e treinar com excelência os colaboradores, o Hopi Hari também intensificou a sanitização das regiões de contato direto dos visitantes, realizando-a a cada ciclo. Isso inclui assentos, apoios de mão, travas etc. Além disso, o País Mais Divertido do Mundo fechou temporariamente algumas atrações indoor e reduziu a capacidade em outros brinquedos, mantendo o distanciamento mínimo exigido entre os visitantes a cada ciclo.

Para mais informações, o protocolo completo está disponível no site oficial do parque: www.hopihari.com.br. Em caso de dúvidas, basta fazer contato pelas redes sociais, através no email fale@hopiharicorp.com.br ou pelo telefone (11) 4290-0333. A responsabilidade pela segurança é de todos. Hopi Hari aguarda seus visitantes no dia 04 de julho para um dia incrível de magia, encantamento e, claro, muita segurança.

Ação de testagem

Em combate à covid-19 e para uma retomada das operações no dia 04/07 com mais segurança, o Hopi Hari, a partir do dia 16/06, comercializará o passaporti unitário pelo valor de R$ 129,90 e, para quem adquiri-lo, o parque fará o teste rápido de anticorpos IgM/IgG para a Covid-19 gratuitamente, no período de 20 a 30/06.

Dependendo da demanda, o período poderá ser estendido para dias de parque fechado.

Em laboratórios, o valor pode chegar a R$ 350. Os testes foram adquiridos com a empresa OltraMed e serão manipulados pelo laboratório ARFMED, na modalidade drive-thru. Isso significa que não será necessário descer do veículo. O objetivo desta ação é contribuir com a identificação de pessoas que já tiveram ou não contato com a covid-19 no interior de São Paulo. Para participar, basta adquirir o passaporti no site e comparecer para realização do teste das 9h às 16h.

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, “os testes rápidos (IgM/IgG) têm relevante utilização no mapeamento do status imunológico de uma população (que já teve o vírus ou foi exposta a ele). Tal mapeamento pode contribuir de forma positiva no processo de relaxamento das medidas restritivas, ou seja, quando do controle pandêmico, o mapeamento imunológico terá significativa relevância por ocasião do retorno das atividades”. Os dados obtidos com os testes serão comunicados às autoridades de saúde e servirão para engrossar as estatísticas, bem como ampliar a testagem para covid-19 no país.

Quem preferir pode adquirir o teste pessoalmente no estacionamento do Hopi Hari e retirar, em seguida, o passaporti para visitação a partir da data de reabertura – o dia de visitação deve ser agendado no calendário disponível no site oficial do parque. O passaporti terá validade de um ano, exceto em eventos exclusivos.

Hopi Hari

O Hopi Hari é um dos maiores parques temáticos da América Latina e está localizado a 30 minutos de Campinas e a uma hora de São Paulo, em Vinhedo, interior paulista. O parque foi revitalizado e conta com infraestrutura completa para receber famílias, escolas, excursões turísticas e amantes de parques de todo o país.

São cinco regiões temáticas distribuídas em 760 mil metros quadrados: Kaminda Mundi, Infantasia, Aribabiba, Wild West e Mistieri. O Hopi Hari conta ainda com o Hadikali, o único SkyCoaster em operação no país, além da mais alta, mais extensa e mais rápida montanha-russa da América do Sul: a Montezum.

O parque oferece mais de 40 atrações para todas as idades, mais de 20 pontos de alimentos e bebidas (incluindo comida vegana), enfermaria, sanitários, fraldários, área para amamentação e estacionamento para cinco mil veículos.

 

Foto: Hopi Hari – EGOBrazil / Divulgação

Diversas

Cristina Sodré garante fluência no idioma Inglês com seu método “15 by Tina”

Published

on

350 - Cristina Sodré garante fluência no idioma Inglês com seu método “15 by Tina”

Tininha possui 3 graduações, é poliglota e uma requisitada e conhecida influenciadora digital. Reside na região de Pedra Azul, no vale do Jequitinhonha, MG, e é um sucesso na redes sociais da região.

Todo mundo sabe que o mundo digital chegou para ficar e quem não está nele vai ficar pra nós. E com Tininha, a coisa muda de figura, ela faz toda a diferença em suas redes sociais, na vida de quem a conhece pessoalmente e com esse carisma e compromisso de ajudar quem ainda não fala outra língua, ela realmente faz jus ao seu sucesso nas redes sociais.

Com mais de 80 mil seguidores no Instagram. Ela desenvolve o travel blogger, já visitou mais de 11 países, levando seus seguidores a acompanhá-la fielmente na expectativa de conhecer lugares incríveis através das postagens da influencer.

IMG 20200919 WA0067 686x1024 - Cristina Sodré garante fluência no idioma Inglês com seu método “15 by Tina”

Professora de língua inglesa há mais de 15 anos, criou o método próprio e específico de aprender falar o inglês, o “15 by Tina”. Ela afirma que os seus alunos conseguem fluência no idioma, estudando somente 15 minutos por dia.

“Após acompanhar alguns alunos no método on-line de somente 15 minutos por dia, obtivemos excelentes resultados na aprendizagem do inglês, podendo funcionar também em outros idiomas”, afirmou a influencer.

IMG 20200919 WA0061 686x1024 - Cristina Sodré garante fluência no idioma Inglês com seu método “15 by Tina”

No momento ela diz: “Estou na melhor fase da minha vida, tenho me dedicado como esposa, mãe de primeira viagem da pequena Lara Victória, com apenas 2 meses de vida. Com a chegada de Lara, a vida de badalada definitivamente parou, mas, a  blogueira, meu curso on-line prestes a ser lançado, eu estou num agito só”, finalizou.

Para acompanhá-la, basta segui-la no Instagram @tininhadodre @pcbeccbnews

Continue Reading

Geral

Conheça a história da empreendedora Natália Nascimento

Published

on

CHENN - Conheça a história da empreendedora Natália Nascimento

Nascida e criada na São Gonçalo, Natália começou a sua vida trabalhando desde os seus 9 anos de idade, ajudando seus familiares em uma rede de farmácias local. Quando completou 15 anos, ela decidiu investir em um curso de cabeleireiro, saiu da farmácia e se mudou para Penha, na Zona Norte do Rio de Janeiro.

Ao chegar no novo bairro, que se tornou local onde ela construiu toda sua carreira, Natália começou a sua trajetória vendendo peças de roupas em um salão de beleza de uma prima. Mas sua vida na estética começou no dia em que a esteticista do salão não pode comparecer ao serviço e avisou a sua prima, proprietária do salão, em cima da hora, sem ter como desmarcar as clientes. Foi então que ela orientou a Natália e pediu que ela realizasse a depilação de uma cliente, sem ao menos ter muita noção do que era aquilo.

A partir desse dia, Natália começou a tomar gosto pela depilação e começou a atender suas próprias clientes. Mesmo sem curso na área, a cada dia que passava ela ia se especializando mais e mais no assunto e se tornando muito querida por todas suas clientes.

Depois de alguns meses o salão fechou. Neste dia, Natália decidiu que não poderia ficar sem trabalhar, e começou a atender suas clientes na sua própria casa. E foi um sucesso! O tempo e a prática fizeram com que ela enxergasse que ela havia descoberto a sua real vocação e começasse a fazer cursos na área.

Natália estava feliz com sua profissão, queria crescer, mas o medo de investir impedia ela de crescer. Até que um amigo, que era um grande incentivador da sua história, convenceu ela a alugar uma sala na Penha e abrir a sua própria clínica de estética. Foi então que aos 30 anos, Natália abriu o seu Centro Estético e começou a crescer cada dia mais! Hoje fazem três anos que ela criou coragem e virou empreendedora.

Continue Reading

Geral

Home Office e a epidemia de dor nas costas

Published

on

HPEDC - Home Office e a epidemia de dor nas costas

O Google Trends, ferramenta de análise de tendências do buscador, apontou o aumento de 76% nas buscas por “dor nas costas”. O home office foi a solução adotada por muitas empresas durante o isolamento social e irá permanecer, mas o novo modelo de trabalho está afetando a saúde dos trabalhadores.

Sem uma cadeira adequada, estrutura de escritório, sentar-se incorretamente, passar muito tempo à frente do computador, usar o celular com postura inadequada e o sedentarismo na quarentena estão por trás do desconforto. Por isso, é importante saber o que você pode fazer para se prevenir.

A dor na coluna afeta mais de 20 milhões de brasileiros e está entre as principais causas de ausência ao trabalho e de afastamentos pela Previdência Social, liderando as aposentadorias por invalidez. As lombalgias também ocupam segundo lugar entre as queixas que chegam aos consultórios médicos. Os números mostram como a situação clínica afeta de forma relevante a qualidade de vida dos brasileiros. Segundo pesquisa do IBGE 18,5% da população sofre com dores crônicas na coluna.

A OMS (Organização Mundial de Saúde) estima que cerca de 37% da população brasileira vai ter lesões na coluna cervical, somente pela má postura no uso do aparelho celular, com a cabeça abaixada.

baixados - Home Office e a epidemia de dor nas costas

Como ajustar a postura para usar o computador sem prejudicar a coluna?

 

Dr. Haroldo Chagas, neurocirurgião, Cirurgião da Coluna Vertebral e médico do Centro Médico do Hospital Caxias D´Or, explica que as pessoas passam horas por dia em frente ao computador – e muitas vezes sem perceber a postura corporal – a má postura causa problemas principalmente na coluna vertebral, e essa é a principal causa de dores na coluna relacionadas ao trabalho. Durante a rotina de trabalho, o cansaço e as dores no corpo podem ainda comprometer a sua produtividade.

Para amenizar o problema ele sugere algumas dicas:⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

✅ Sente-se sobre os ísquios (os ossos pontudos da bacia, localizados na transição entre os glúteos e o púbis). Se necessário, apalpe-os – mas, para saber com precisão, sente-se e procure encostar esses ossinhos bem no chão.

✅ Alongue-se! Pescoço, braços e mãos devem ser alongados para preparar o corpo para o uso do computador.

✅ Ao sentar em uma cadeira, os pés devem se apoiar firmemente sobre o chão. Utilize um banco pequeno ou suporte para os pés, se necessário, caso o assento esteja muito elevado. O importante é que os joelhos fiquem num ângulo de 90 graus. Isso tira a sobrecarga da lombar.

✅ Verifique se a altura da mesa e a cadeira estão bem ajustadas. Os antebraços devem ficar bem apoiados na mesa. Caso a sua mesa não tenha a profundidade correta para os braços, você poderá usar um apoio para antebraços.

✅ Os cotovelos devem permanecer levemente esticados.

✅ Os ombros devem ficar confortáveis, sem tensão.

✅ Os olhos devem estar “na linha do horizonte” sem que você precise abaixar ou levantar o pescoço para ver a tela. O ideal é que, para visualizar a tela, apenas abaixe os olhos.

✅ Pequenas pausas de 5 minutos são essenciais a cada hora de trabalho. Essa atitude recoloca a coluna na posição correta ao levantar-se.

 

Serviço:

@drharoldochagas

Centro Médico do Hospital Caxias D´Or

Terças-Feiras, Sextas-Feiras e Sábados sempre pela manhã.

Telefone: 3003-3230

http://servicos.rededorsaoluiz.com.br/marcar-consulta

Continue Reading

Trending

Copyright © 2020 Gazeta Nacional - Grupo Michelasi de Comunicação