Connect with us

Geral

Fábio Ferreira: Mineiro que nasceu na roça hoje é CEO da maior franquia de automação de mídias sociais da América

Published

on

f1 - Fábio Ferreira: Mineiro que nasceu na roça hoje é CEO da maior franquia de automação de mídias sociais da América

De vendedor de ovo caipira a CEO da maior franquia de automação de mídias sociais da América, ensina e palestra cursos para seus franqueados ensinando pessoas comuns e empreendedores a faturar com seus perfis na internet.

“Tornar-se o próprio chefe é um dos principais atrativos para quem decide deixar um emprego e começar a empreender. Quando se trabalha em uma empresa significa se portar exatamente da maneira que o seu chefe determina. Em muitas situações você acaba tornando muita peça robótica. Eles padronizam o seu modo de falar, de se comportar e vestir. Por fim, torna-se um trabalho entediante. Você se encontra em um estado estagnado, sem retorno pessoal e financeiro. Você vê a vida passando, com poucos benefícios e o mínimo de recompensas, e, no final, você é simplesmente descartado, substituído. Você trabalha para ficar rico, mas quem está ficando rico ?

Abrir um negócio ainda é a melhor maneira de ganhar dinheiro, além da gratificação pessoal em construir algo seu, você recebe o equivalente ao esforço do seu trabalho. Então trabalhe, mas trabalhe para você. Assim você terá um bom motivo para sair da cama todas as manhãs.

Um dia, você se sentará em uma varanda pensando sobre a sua vida e as coisas que você já fez. Nesse momento enquanto faz isso, quase não se arrepende das decisões que tomou e dos erros que cometeu. Mas não se envergonhe deles, pois foram esses erros que ajudaram a se tornar a pessoa que você é hoje. No entanto, se arrepende das vezes em que deixou de tentar – especialmente se o motivo para isso foi falta de confiança ou medo do desconhecido.

Então, não olhe para trás e também não imagine. Se você quer começar um negócio, comece. Ainda mais porque com a Franquia da Network Organic, você consegue trabalhar em paralelo com outras atividades, e pode ser capaz de transformar uma grana extra em sua principal fonte de renda.
Trabalhe para você, faça para você, e no futuro se orgulhe da pessoa que se tornou.”

Sobre Fábio Ferreira: https://instagram.com/ceofabioferreira
Sobre a Franquia: www.networkorganic.com.br/franquia

Continue Reading
Advertisement

Diversas

Dia dos Pais: Quinta do Olivardo vem de São Roque para delivery e drive thru em São Paulo

Published

on

DPCMP Copy - Dia dos Pais: Quinta do Olivardo vem de São Roque para delivery e drive thru em São Paulo

A tradicional Quinta do Olivardo, na Estrada do Vinho em São Roque, opera no sistema de delivery e drive thru neste final de semana, dias 8 e 9 de agosto, em São Paulo, das 11 às 15h, no bairro da Vila Mariana, e em São Roque, das 9h30 às 17h30.

O chef Olivardo Saqui elaborou um menu especial para comemorar e agradar o paladar de quem amamos em casa, já que o restaurante continua fechado por causa do isolamento social.

As encomendas podem ser feitas pelo WhatsApp (11) 9.7088-5401, pelo IFood ou pelo aplicativo da casa disponível para Android.

A Quinta traz no seu cardápio:

Bolinho de Bacalhau: Unidade.

Pastel de Bacalhau: Unidade.

Alheira Defumada: carne suína, frango, peru, toucinho, vinho branco, alho, miolo de pão, pimentão, salsa e condimentos fritos. Acompanha batatas cozidas puxadas no azeite, ovo frito e pão português. Serve 2 pessoas.

Prego no Pão: Carne bovina temperada com vinho branco e louro, preparado na chapa, acompanha tomate, alface, maionese, cebola e queijo, no pão francês. Tradicional lanche português. Individual.

Bolo do Caco: Pão português tradicional da Ilha da Madeira. Em seu preparo leva como ingrediente principal a batata doce, que substitui o açúcar, além da farinha de trigo, fermento caseiro, água e sal. Preparado na chapa. Unidade.

 

PRATOS PRINCIPAIS

 

Bacalhau com Natas: bacalhau em lascas puxado no azeite, com cebola, batata, azeitonas pretas, azeite, tomate, molho bechamel e queijo. Acompanha arroz branco. Serve 2 pessoas.

Bacalhau à Lagareiro: posta de bacalhau feita na brasa, com batatas aos murros, cebola, páprica, alho, salsinha, pimentão vermelho puxado no azeite. Acompanha arroz branco. Serve 2 pessoas.

Bacalhau à Gomes de Sá: bacalhau em lascas puxado no azeite, com cebola, louro, batatas douradas, ovo cozido, azeitonas, alho, salsa pimentão, azeite e vinho branco. Acompanha arroz branco. Serve 2 pessoas.

Bacalhau à Moda da Casa: posta de bacalhau feita na brasa, com batata dourada, brócolis, cebola, couve, ovo cozido, pimentão vermelho, alho e azeitonas. Acompanha arroz branco. Serve 2 pessoas.

Maminha na mostarda à portuguesa: peça de maminha, espetada em um galho de louro e temperada com mostarda. Acompanha arroz e batatas aos murros. Serve 3 pessoas.

Parmegiana à Moda da Quinta: filé mignon, molho especial de tomates e queijo muçarela. Acompanha arroz e batata chips. Serve 2 pessoas.

Picanha Suína com Abacaxi: Assada temperada com canela em pó, louro, páprica, pimenta do reino, alho, salsa, tomate cereja, azeite, vinho branco e azeitonas. Coberto com chutney de abacaxi. Acompanha arroz branco e batatas aos murros. Serve 3 pessoas.

Picanha Sanfonada à Portuguesa: Picanha ao forno sanfonada com muçarela, bacon e leve camada de mostarda. Acompanha: arroz e batatas aos murros. Serve 3 pessoas.

 

SOBREMESA

 

Pastel de Belém: fabricação própria. Unidade.

 

 

Quinta do Olivardo – São Paulo – Sábados e Domingos

Delivery e Drive Thru- 11h às 15 horas

ENCOMENDAS WHATSAPP (11) 9.7088-5401

Rua Uruana, 94, Vila Mariana

 

Quinta do Olivardo – São Roque – Sábados e Domingos

Delivery e Drive Thru- 9h30 às 17h30 horas

ENCOMENDAS WHATSAPP (11) 9.7088-5401

Estrada do Vinho, km 4

De segunda a sexta-feira, em São Roque, delivery e drive thru das 09:30 as 17:00

Continue Reading

Diversas

Zuccardi é uma das estrelas argentinas do portfólio da Grand Cru

Published

on

ZEAPGC Copy - Zuccardi é uma das estrelas argentinas do portfólio da Grand Cru

A importadora Grand Cru está em festa, assim como a vinícola Zuccardi que levou mais uma vez, o prêmio de “A melhor vinícola da América do Sul” e “A melhor vinícola do mundo”, na edição 2020 do World’s Best Vineyards. Proeza já conquistada ano passado.

“Zuccardi e Grand Cru é uma parceria de anos e que só engrandece nosso portfólio. A família Zuccardi é símbolo de qualidade e muito trabalho de excelência. Ela está sempre em nossas ações. E faremos com exclusividade nessa quinta, dia 06, no Instagram da importadora, uma live com o enólogo da vinícola, Sebastian Zuccardi, onde entre muitos assuntos, ele falará sobre o prêmio recém-conquistado”, diz Maria Fernanda Trentini, gerente de marketing da Grand Cru.

Sebastian Zuccardi é neto do fundador da vinícola e o enólogo que assina todos os bem sucedidos projetos da vinícola de sua família. Tanto que recebeu o título de Melhor Enólogo pelo Guia Descorchados 2019. E, para completar, celebra a pontuação de um de seus vinhos, o Zuccardi Finca Piedra Infinita 2016, que levou 100 pontos do crítico americano Robert Parker.

Zuccardi é uma das mais importantes vinícolas argentinas, com a qualidade dos vinhos largamente reconhecida. Esta importância no desenvolvimento da região foi reconhecida pela imprensa internacional em várias oportunidades, como por exemplo, quando a Decanter Magazine, influente publicação inglesa, destacou Sebastián Zuccardi como o melhor enólogo da América do Sul. “Estamos muitíssimo felizes por mais essa conquista. Um trabalho feito em equipe que contempla as vinhas, o turismo, a gastronomia, cultura e história de uma região. Vamos trabalhar muito para manter esse padrão e melhorar ainda mais”, comemorou Sebastian.

Com vinhas espalhadas por todo o Vale de Uco e também em outras localidades na província de Mendoza, a Zuccardi se beneficia de diferentes tipos de solo e altitudes, que criam microclimas diversos e propiciam distintos terroirs, todos muito bem representados nas diferentes linhas do portfólio da Zuccardi. Então, assim que for possível voltar ao “velho normal” e fazer turismo pelas vinícolas do mundo, prepare o passaporte e coloque a vinícola no roteiro da viagem!

Vinhos da Zuccardi na Grand Cru

Concreto: o nome do vinho – Concreto – não foi dado à toa. Trata-se de um 100% Malbec, originado no vinhedo da Zuccardi chamado Piedra Inifita, muito rochoso e com rico depósito de material calcário. O vinho foi fermentado em tanques de concreto apenas com leveduras indígenas. Depois de pronto, o vinho estagiou também em tanques de concreto, sem nunca ter visto qualquer carvalho.

https://bit.ly/3fw12yq

 

José Zuccardi: feito a partir de um corte de 90% Malbec e 10% de Cabernet Sauvignon, este vinho foi uma homenagem do enólogo Sebastián Zuccardi a seu pai. De acordo com o jovem enólogo, que levou o primeiro lugar no prêmio de Melhores Enólogos da América do Sul pela Decanter Magazine, o vinho representa a história de busca e superação de seu pai pelo vinho que melhor expressasse a região de Mendoza.

https://bit.ly/2EQav7f

 

Zuccardi Piedra Infinita: localizado no Vale do Uco, mais especificamente em Paraje Altamira, o vinhedo do Piedra Infinita é um dos mais importantes da Zuccardi. Isso porque o solo, riquíssimo em calcário – com elevado conteúdo de pedras grandes cobertas de carbonato de cálcio -, dá origem a vinhos especiais. Depois de nascer nesse cenário único, este 100% Malbec, fermentado em tanques de concreto apenas com leveduras nativas, estagiou em carvalho, resultando em um tinto de grande estrutura, boa acidez e mineralidade.

https://bit.ly/2PnpveH

 

Para saber mais sobre os vinhos da Zuccardi na Grand Cru, acesse: https://www.grandcru.com.br

 

SOBRE A GRAND CRU

A Grand Cru é a maior importadora e distribuidora especializada em vinhos de qualidade da América Latina. Com sólida atuação multi canal, oferece mais de 2000 rótulos do mundo todo em quase 80 pontos-de-venda de Manaus a Porto Alegre. Além das franquias e operações próprias, tem e-commerce (www.grandcru.com.br), clube de vinhos e distribuição aos melhores restaurantes, hotéis e empórios. São décadas de tradição sendo reconhecida como sinônimo de qualidade pela experiência única que proporciona aos apaixonados por vinhos: dos experts aos iniciantes.

Continue Reading

Diversas

Isolamento muda perspectiva do pai sobre a criação dos filhos

Published

on

IMPCF Copy - Isolamento muda perspectiva do pai sobre a criação dos filhos

O Dia dos Pais de 2020 será lembrado sempre como aquele do ano da pandemia, quando o distanciamento social impôs às famílias uma convivência intensa. Pais e mães adotaram o modelo de trabalho de home office e as crianças passaram a ter aulas por meio do ensino à distância (EAD).  A Pesquisa Gestão de Pessoas na Crise Covid-19,  elaborada pela Fundação Instituto de Administração (FIA) com dados de abril, mostrou que 46% das empresas mantiveram seus funcionários em casa. Embora a mudança de rotina tenha sido árdua para todos os membros, o papel do homem foi o mais afetado. É no que acredita a psicóloga que atende no Órion Complex, Soraya Oliveira. Ela conta as experiências ouvidas em seu  consultório sobre o isolamento.

 

A especialista lembra que, historicamente o homem assume o papel do provedor da família, aquele que sai de casa cedo e retorna no fim do dia, enquanto as mulheres sempre assumiram o papel de cuidadoras da família. Para Soraya essa cultura ainda está muito enraizada no Brasil, e, mesmo com as sutis mudanças na era moderna, o homem quando se viu em casa precisando fazer também atividades domésticas e cuidar dos filhos, ele acabou despertando seu olhar para essas atividades, até então delegadas apenas a elas. “O pai que já tinha um histórico afetuoso, soube aproveitar esse momento para reforçar os vínculos e dar aos filhos aquilo que eles eram impedidos de oferecer por passar o tempo longe, como brincar, ver televisão, jogar um videogame, ler”, pontua.

 

Os  dados mais recentes do Instituto de Pesquisa Aplicada (IPEA), que analisa números do IBGE,  mostram que os 59% das casas brasileiras tem o homem como responsável por sustentar financeiramente o lar. Isso mostra um comportamento ainda muito tradicional no País, onde as mulheres são responsáveis por educar os filhos e os homens ficam livres da jornada tripla . “Os pais  estão mais habituados com as relações externas, com divertimento fora de casa, mas é com o convívio que descobrimos o outro, suas preferências e gostos. Quando foram para casa, perceberam que estavam distantes dos filhos e passaram a dar valor a coisas que antes eram banalizadas, como por exemplo, o tipo de indivíduo que estão educando para o mundo”, diz Soraya. Os desafios, explica a psicóloga, independem da idade dos filhos. “É importante pensar que foram muitos comportamentos diferentes, já que a quarentena se estendeu mais do que imaginávamos, até mesmo as crianças e adolescente tiveram que se adaptar com a figura masculina em casa”.

 

Embora muitos pais se redescobriram com o distanciamento social,  Soraya explica que  houve uma divisão clara entre aqueles que aproveitaram a situação para se conectar com os filhos, e os que tiveram grandes problemas de ansiedade. “Um segundo grupo de pais  demonstrou alteração forte de humor chegando até mesmo a atos de agressividade com violência física e moral,  impaciência, irritabilidade e frustração”. Para a psicóloga esses homens encararam com mais dificuldade o fato de estarem se sentindo fechados e não souberam lidar com a nova realidade de vida. “O resultado disso foi o grande número de divórcios que está tendo no mundo”, exemplifica.

 

Segundo Soraya, a adaptação foi mais complexa para esse grupo pois são pessoas que ainda vivem apegadas a uma cultura onde homens não executam tarefas domésticas nem educam os filhos pessoalmente do dia-a-dia. “Os pais tiveram que se posicionar melhor diante da escolha feita ao casar. Foram forçados a aprender a conviver e valorizar o papel da mulher e se tornar pai, esposo, companheiro e amigo”.

Continue Reading

Trending

Copyright © 2020 Gazeta Nacional - Grupo Michelasi de Comunicação