Connect with us

Diversas

Dia do orgasmo: 55% das brasileiras não chegam lá

Published

on

DO5BC Copy - Dia do orgasmo: 55% das brasileiras não chegam lá

Um estudo do departamento de Transtornos Sexuais Dolorosos Femininos da Universidade de São Paulo (USP) mostrou que 55% das brasileiras não têm orgasmos durante o sexo. Privadas da sensação proporcionada por esse momento intenso de prazer, elas ainda vivem sob os efeitos da repressão sexual. Sim, em pleno século 21, algumas mulheres ainda não se permitem ou não conseguem saber o que é o orgasmo.

Segundo especialistas, a lógica “falocentrica” prevalece erroneamente quando se trata de sexo, ou seja, a penetração é a principal forma de se ter prazer. Entretanto, de acordo com pesquisas realizadas, ela está em quarto lugar no quesito de sexo mais prazeroso, atrás do oral, da estimulação do clitóris pelo parceiro e da masturbação. De acordo com Lelah Monteiro, sexóloga e psicanalista, “ainda há muita dificuldade da mulher se permitir e se entregar. O orgasmo é um percurso e as pessoas precisam render inteiramente o seu corpo, parar de racionalizar tanto. Então, por isso que ainda é tão difícil”. A falta de comunicação entre os parceiros é outro fator que dificulta o prazer. A mulher precisa buscar informações sobre sua vida sexual, explorar o seu corpo e ter um diálogo franco com o companheiro. A sexóloga acredita que, atualmente, as mais jovens têm mais facilidade e liberdade para abordar a questão. Movimentos coletivos em prol da busca pelo prazer e da libertação de preconceitos têm colaborado para mudar um pouco a realidade. Para Lelah, é fundamental, reitera, “existir permissão e entrega. Permitir que o seu corpo tenha satisfação, entregando-se totalmente ao momento. “Para alcançar o orgasmo, sinta tudo o que o seu corpo é capaz de proporcionar e absorva o máximo de prazer da sua relação com ele”.

Muitas mulheres mais velhas, frutos de uma educação repressora, talvez nunca tenham conhecido o orgasmo. Se estão aprisionadas a um relacionamento não satisfatório há muitos anos, acreditam que é assim mesmo. Outras, com a separação, partem em busca do prazer desconhecido e acabam por encontrá-lo, muitas vezes nos braços de companheiros mais jovens. Os homens maduros, por sua vez, quando investem em uma nova relação, procuram oferecer à nova parceira momentos inesquecíveis, principalmente se for mais jovem. É o caso de Mirella G., estudante universitária de 26 anos, há seis meses em um relacionamento sugar. “Estava cansada dos caras da minha idade, preocupados com a sua própria satisfação, esquecendo que eu também estava ali naquele momento. Fiz o meu cadastro como sugar baby no MeuPatrocínio, por desejar outras coisas além do sexo com um homem mais maduro. Conheci Márcio e tudo tem sido maravilhoso desde o início! Ele tem 52 anos e muita vitalidade. Mas, a questão principal é que ele se preocupa com o meu prazer e não mede esforços para me proporcionar. É claro que existe uma atração muito forte entre nós, não só física, e acho que isso contribui para que eu me sinta totalmente entregue. Não há comparação ente o meu daddy e os meus outros namoradinhos. Acho que a experiência conta muito também, mas, acima de tudo, o desejo de satisfazer a mulher”.

Confira abaixo um bate-papo da CEO do MeuPatrocínio, Jennifer Lobo, com a sexóloga Lelah Monteiro:

https://youtu.be/fPfGurx2dGE

Sobre o MeuPatrocínio: primeiro e maior site de relacionamento Sugar do Brasil, o MeuPatrocínio é a rede social mais exclusiva e elitizada do país. O estilo de vida Sugar reúne homens poderosos a mulheres jovens e atraentes para relacionamentos verdadeiros, transparentes, com acordos preestabelecidos e expectativas alinhadas. Hoje, em sua base de dados, a plataforma conta com três milhões de usuários. Todos submetem seus perfis e fotos à aprovação individual. Somente são aceitos maiores de 18 anos que devem aderir às condições e termos de segurança do site.

www.meupatrocinio.com

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversas

Produtores artísticos se reinventam nessa pandemia

Published

on

Uriel
Que estamos em uma pandemia todos já sabem . Mas o que falar dos profissionais do meio artístico ? Artistas que muitas das vezes não são valorizados ? Pois é , o cenário não é tão favorável para esses profissionais … Pensando nisso diretores , atores , produtores estão se reinventando … Muitos envolvidos com lives de cantores e monólogos .
Destacamos dois produtores que estão gravando suas webserie. Uriel que é cantor teve que se adaptar a outra realidade. “ Já havia começado a gravar a série quando veio a pandemia ,tentei manter o foco é não deixar que nada disso abalasse ao elenco e agora estamos de volta com toda medida restritiva “. Conta o produtor geral da série .
O seriado “Que bafo” já está no ar com alguns episódios engraçadíssimos .
No elenco está Luana Farnezi , Wallace Silva entre outros … Tudo comandado por Uriel .
b22a6707 7cce 450c a280 40a8ff6fab1b 300x300 - Produtores artísticos se reinventam nessa pandemia

Modelo Wallace Silva

Já a outra produção está em ajustes finais chama se Zona de Transição do diretor e assessor Jorge knnawer.
“Essa webserie traduz o submundo dos moradores de rua . Serão mais de 30 atores envolvidos em 5 episódios” . Conta o diretor .
Jorge knnawer destaca a pré produção da série onde os atores estão tendo uma preparação com Wanderson Ramos .
“Achei importante ter essa preparação pois vamos abordar um assunto obscuro que na verdade todos sabemos e fingimos que não vemos .”diz knnawer.
Ambos diretores trocam informações e se fizeram parceiros nessa pandemia .
“Eu e o knnawer nos falamos sempre , um ajudando o outro , desabafando , aconselhando . Acho que esse período que ficamos em casa pudéssemos vero quanto é necessário ter essa troca . Sem rivalidades ou ego … Na verdade nos unimos “ . Ressalta Uriel .
O seria do Que bafo já está no ar pelo YouTube .
Já o zona de transição começa a gravar final de agosto .
No elenco Peterson Sidy , Otávio Cassiano , Diogo Gomes entre outros.
Continue Reading

Diversas

Em meio à crise Baiano inova no mercado de E-commerce nacional

Published

on

Tarcisio Santos

Com seu negócio, atualmente, atingindo uma marca de 7 dígitos de faturamento por mês, Tarcisio Santos conta sobre sua vida no empreendedorismo desde os 8 anos de idade.

Nascido na Bahia, Tarcisio Santos, hoje digital influencer no Instagram, conhecido como “Major do Drop”, começou sua carreira no empreendedorismo muito cedo. No 1º ano da escola, conheceu um amigo chamado Caique, e soube que sua mãe vendia Chips de telefone. A partir dai, os dois amigos fizeram um acordo: Caique vendia a Tarcísio os chips a 4 reais, e ele então revendia por 10. Começou suas vendas na Feira de Santana, município no interior da Bahia. Foi o seu primeiro contato com dinheiro e, desde então, nunca mais parou. “A minha família nunca teve condições de me dar dinheiro, de eu poder ter um valor em mãos, então eu vi no empreendedorismo uma oportunidade de ganhar esse dinheiro e poder comprar minhas coisas”, ele lembra. Passou a pagar contas de água e luz em casa, além de poder sair e comprar suas próprias roupas. Foi quando surgiu sua curiosidade com o empreendedorismo.

Depois de sua experiência com a venda de chips, Tarcísio chegou a trabalhar em outras coisas, mas ele conta que a chave da sua vida realmente virou quando teve contato com o mundo da internet à 3 anos, quando começou a empreender de verdade ao trabalhar com dropshipping , uma modalidade de negócios E-commerce, que é vender sem estoques. A partir desse momento, começou a desenvolver empresas como a Mansão E-commerce Ba, formando assim, um dos maiores eventos do Brasil através da junção do grupo dos drops com o grupo do

E-commerce em uma só fraternidade

Em Outubro de 2019 aconteceu a 1ª edição do evento E-commerce Bahia. A 2ª edição estava prevista para ocorrer em 2020, porém, devido ao coronavírus, foi suspensa. No momento, ainda está prevista para Setembro/Outubro. “Hoje já conta com muitos palestrantes famosos. No último veio um palestrante até dos Estados Unidos, e o evento vem crescendo bastante. E em contra partida, a gente fez uma parceria com um E-commerce Nacional, e surgiu também a Baxi Imports, na qual eu sou co-fundador.”, ele comenta.

E, nesse meio tempo, ttambém começaram a trabalhar com marca, com produto nacional, focando na qualidade e na satisfação do cliente, e essa foi a virada de chave. Hoje as vendas são tão grandes e estão crescendo tanto, que o faturamento chega a ultrapassar 1 milhão por mês. Devido a esse empreendedorismo, Tarcisio é hoje um digital influencer, com mais de 15 mil seguidores no Instagram, dentro de seu nicho que é o E-commerce, e ensina as pessoas sobre essa modalidade e a como ganhar dinheiro na internet.

Hoje, o Major do Drop está com um novo projeto que conta com mais de 200 afiliados vendendo seus produtos de marca, estando hoje à frente do mercado, pois desenvolvem o produto e, junto com os afiliados, valida todo esse processo e, no final, todos ganham uma comissão com cerca de 50 a 80% por venda do produto. Eles tem feito parcerias com algumas plataformas, e mais lá pra frente estarão desenvolvendo uma plataforma também.

Conhecido por se destacar através da inovação, ele explica: “hoje já somos referência em dropshipping nacional, já estamos na segunda edição do evento Mansão E-commerce Ba, do qual me orgulho por ser o único evento focado em E-commerce no estado da Bahia. Ajudei a fundar a Baxi Imports, praticamente não existe empresa voltada para drop chips que presta esse serviços de produtos nacionais, então a gente vem numa contra-mão do mercado inovando bastante, e vem dando bastante resultado”. A expectativa de crescimento ainda é enorme, pois seu negócio tem fechado grandes parcerias, inclusive com grandes personalidades nacionais. E ainda tem muita coisa boa vindo por ai.

Tarcísio conta que o verdadeiro upgrade no seu desenvolvimento e vontade de vencer veio logo após o nascimento de sua filha. Algo que, na verdade, já existia, mas potencializou-se através da conquista de sua família, na qual é muito grato: “Queria agradecer à minha família, especialmente à minha mãe Maria Norma, que foi uma guerreira; ao meu pai Lenilson, que me instruiu até os 17 anos; à minha irmã Tamires Santos, que me apoiou demais; ao meu primo Marcos Vinícius, que sempre foi um parceiro e um irmão; e a minha esposa Hanastasyia Holovina. Queria agradecer a essas pessoas, inclusive minhas tias Jaciara Dias e Ana Paula e muita gente que me apoia. Se o meu sucesso hoje existe, foi devido a elas, pois eu sei o quanto isso foi importante para o meu crescimento pessoal e profissional.”

O sucesso de Tarcisio Santos no mundo do empreendedorismo, além de informações sobre seus produtos e sobre a Mansão E-commerce Ba podem ser acompanhados através de seu Instagram @majordodrop

 

 

Continue Reading

Diversas

“Papais de Açúcar”: Confira os estados brasileiros com o maior número de Sugar Daddies

Published

on

PACEBSD Copy - "Papais de Açúcar": Confira os estados brasileiros com o maior número de Sugar Daddies

Tudo começou em 1881 com o nascimento de Alma de Bretteville, na Califórnia (EUA). De uma família muito humilde, Alma abandonou os estudos e começou a trabalhar aos 14 anos. Apesar de muito jovem, sempre teve o sonho de se casar com um homem rico. O seu primeiro relacionamento sério foi com um homem maduro e bem-sucedido que a cobria de presentes caros, dinheiro, joias, obras de arte e a levava para frequentar os restaurantes mais caros. O único problema era que ele não queria o matrimônio e ela terminou o relacionamento. Mas Alma não desistiu do seu objetivo e, aos 22 anos, conheceu Adolph Spreckels, um rico empresário, 24 anos mais velho, dono de uma fábrica de açúcar, a Spreckels Company. Após um longo namoro, em 1908, Alma finalmente realizou o seu sonho e se casou com Adolph, tornando-se a mulher mais rica da região. Justamente pela atuação profissional do marido, Alma referia-se a ele como “sugar daddy”, ou “papai de açúcar”. Alma foi uma verdadeira “sugar baby”, enfrentou todos os obstáculos para mudar a sua posição social e aproveitou todas as viagens que fez para se aprimorar culturalmente.  Exerceu a filantropia e faleceu aos 87 anos, deixando um legado em coleções de arte.

2808FC4C AAE1 4DFC 8B8B 98D889B0449C Copy - "Papais de Açúcar": Confira os estados brasileiros com o maior número de Sugar Daddies

Anos se passaram e a expressão relacionamento sugar se manteve e conquistou o seu espaço. Na plataforma MeuPatrocínio, a pioneira e a maior do Brasil, com cerca de três milhões de usuários, os homens com o perfil de Adolph Spreckels representam mais de 300 mil assinantes. Tal como o percussor, os daddies são homens poderosos, ricos e bem-sucedidos, procurando jovens atraentes, inteligentes e ambiciosas (Sugar Babies) para uma relação com objetivos transparentes e expectativas alinhadas desde o início. Esta tendência nos relacionamentos até hoje ainda causa muita controvérsia porque algumas pessoas julgam tratar-se de uma aproximação exclusivamente por interesses, mas, tudo depende do tipo de acordo estabelecido pelo casal. Alguns procuram um compromisso sério, sem a necessidade de joguinhos de conquista, outros apenas uma companhia para o compartilhamento de experiências e amizade.

No MeuPatrocínio, os daddies investem até R$ 1.000,00 no programa de assinatura para ter acesso aos perfis das mais de dois milhões de Babies cadastradas. Eles estão concentrados principalmente nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul. Na faixa dos 43 anos, os daddies têm um patrimônio médio de R$ 7,7 milhões. Empresários (38%), profissionais liberais (37%) – advogados, arquitetos, médicos, engenheiros, administradores e consultores -, e diretores de empresas (20%) compõem o perfil daqueles que se dispõem a ser os “provedores da relação”, oferecendo apoio financeiro, de carreira e, claro, emocional às suas escolhidas

Do ponto de vista das Babies,  tal como Alma enxergava, os Daddies representam segurança, a figura de alguém que garante os estudos, uma estabilidade financeira e a possibilidade de realização de sonhos. Para muitas, mais vividos e honestos – característica essencial neste tipo de relacionamento –, eles são o antídoto para frustrações já experimentadas em ocasiões anteriores. Podem não ser donos de fábrica de açúcar, mas continuam conhecidos como os “pais de açúcar” das suas babies.

Sobre o MeuPatrocínio: primeiro e maior site de relacionamento Sugar do Brasil, o MeuPatrocínio é a rede social mais exclusiva e elitizada do país. O estilo de vida Sugar reúne homens poderosos a mulheres jovens e atraentes para relacionamentos verdadeiros, transparentes, com acordos preestabelecidos e expectativas alinhadas. Hoje, em sua base de dados, a plataforma conta com três milhões de usuários. Todos submetem seus perfis e fotos à aprovação individual. Somente são aceitos maiores de 18 anos que devem aderir às condições e termos de segurança do site.

www.meupatrocinio.com

Continue Reading

Trending

Copyright © 2020 Gazeta Nacional - Grupo Michelasi de Comunicação