Connect with us

Foto: Jacqueline Lisboa

Um grupo de sete amigos de Brasília (DF) se destacam, atualmente, no cenário cultural da capital federal, com a empresa batizada como “Anima”.  Responsáveis pela produção de festas badaladas da cidade, os rapazes Danilo Mena, Daniel Alcides, Lucas Vaz, Mauro Grattapaglia, Gabriel Aquino, Fabrisio Sales e Mateus Blandim celebram a parceria juntamente com a R2 Produções e o sucesso das sextas do Complexo Na Praia. Batemos um papo com um dos sócios da produtora, Danilo Mena, confira abaixo:

De onde surgiu a idealização da produtora Anima e há quanto tempo já está no mercado?

Danilo Mena: A Anima nasceu de amigos que faziam festa para amigos. Desde muito jovens nos tínhamos o hábito de organizar pequenas festas nas casas de amigos, apenas com o intuito de juntar a galera e se divertir. Na época víamos poucas opções de entretenimento em Brasília e dificilmente conseguíamos juntar todos os amigos, então resolvemos dar um jeito nisso. Com pequenos investimentos de cada um, usávamos a criatividade para fazer daquele evento o melhor possível. O mais legal é que sempre nos preocupávamos com a experiência de todos, em como poderíamos fazer aquele momento ser especial pra cada um, seja em um lugar repleto de amizades ou com brincadeiras e brindes que apareciam do nada. O fundamental era só que a energia fosse sempre lá em cima, e que todos fossem estivessem contagiados nela. Após vários pedidos e feedbacks, decidimos fazer disso um negócio, criando a Anima, cujo nome vem de “Alma” em latim, o local por onde acreditamos que todos podem se conectar mais verdadeiramente, através da energia. Atualmente, temos um pouco mais de 2 anos de empresa.

Qual a ligação da produtora Anima com a R2 produções?

DM: A nossa relação começou de maneira muito orgânica e inusitada. Em um ciclo de palestras – um dos nossos sócios abordou o Rafael Damas, palestrante no dia – e começaram a conversar sobre propósito e ideias para o futuro. Naturalmente sentimos uma sinergia, semelhança de valores e ideais, o que resultou em um convite para aprofundarmos as conversas. O que identificamos foi uma possibilidade de nos juntarmos e potencializar os nossos resultados. A R2, por estar muito focada nos 3 grandes projetos que tocam, acabaram não conseguindo mais realizar pequenos eventos. Com isso, o lançamento de novas festas e a inovação ficaram cada vez mais difícil de se realizar. E para a Anima, se juntar a maior produtora do mercado sem dúvida daria a possibilidade de crescermos em uma velocidade absurda, aprendendo com tudo que eles construíram em seus 14 anos de história. Assim, a Anima foi englobada na R2 Holding, sendo a produtora responsável por criar e tocar os novos eventos.

Por quais eventos em Brasília a produtora fica responsável? E de quanto em quanto tempo esses eventos são realizados?

DM: Falando de 2018 para cá, realizamos alguns eventos: festas, baladas, shows e festivais. Como principais projetos podemos citar a Spoiler – nosso after oficial do Na Praia, o Baile do Dennis, a tour do Martin Garrix em Brasília, o festival Viva – nosso festival de verão – a Nas Internas, uma festa que trouxemos do Rio de Janeiro em parceria com a Influenza e a Imagina, e claro, pela primeira vez fizemos parte do Na Praia cuidando das sextas-feiras. Todos esses eventos aconteceram com mais ou menos 2 a 3 meses de espaço entre eles. Com o intuito de ter um contato ainda mais constante com o nosso público, criamos a Get 4 Guest, uma espécie de boate no nosso escritório para poucos e selecionados convidados, acontecendo quase que mensalmente. 

Quais as expectativas da produtora ao realizar os eventos em Brasília? E quais os próximos projetos?

DM: Podemos dizer que nesse momento a Anima está focada em fortalecer o seu nome e se posicionar no mercado de produção de eventos em Brasília. Cada vez mais criando sua independência e seu público cativo, a Anima está começando a escrever a sua história. Além de entregar experiências incríveis aos nossos clientes, queremos garantir que nossos eventos sejam principalmente plataformas de transformação, transmitindo mensagens e realizando ações positivas sobre sustentabilidade, impacto social e crescimento pessoal. Sabemos do potencial que temos para impactar positivamente o meio à nossa volta e temos isso como pilar fundamental para o atingimento dos nossos objetivos. 

Como próximos projetos podemos falar que estamos bastante empolgados com o segundo semestre de 2019. Temos no dia 28 de setembro a segunda edição do Nas Internas – surfando no sucesso que tivemos na primeira edição, e em Novembro a Rezalenda, a festa de Halloween brasileira da Anima, com o intuito de contar as histórias de terror e apresentar o verdadeiro folclore brasileiro. Queremos uma festa de alta qualidade e atrações, para se tornar a melhor festa de Halloween de Brasília.

Siga a Produtora no Instagram:

- Anima: Jovens empresários se destacam na cena cultural da Capital Federal

Cultura

Projeto Sarau em Casa reúne duas lendas da música: Gerson King Combo e Robertinho Silva

Published

on

By

1 Gerson King Combo e Robertinho Silva 300x148 - Projeto Sarau em Casa reúne duas lendas da música: Gerson King Combo e Robertinho Silva

O “Sarau em Casa” desta terça-feira, 7 de julho, vai receber duas lendas da música para um encontro histórico: Gerson King Combo e Robertinho Silva. A live começa às 17h e é promovida pelo coletivo Casa Com a Música em parceria com o Sindicato Nacional dos Compositores Musicais (SNCM),

Gerson King Combo é uma das vozes pioneiras do funk e do soul que emergiram no Brasil no fim dos anos de 1960. É uma das pedras fundamentais do gênero, construído com nomes como Carlos Dafé, Cassiano, Tim Maia e Hyldon. Carioca de Madureira, foi aclamado nos “Bailes da Pesada”, de Big Boy e Ademir Lemos, como o “rei dos bailes” e o “James Brown Brasileiro”. Já gravou mais de 14 álbuns e diversas participações. Conta com uma legião de fãs ilustres, como Marcelo D2, Paula Lima e Cidade Negra.

 

Carioca de Realengo, Robertinho Silva é um dos maiores nomes da percussão no mundo e ajudou a definir a linguagem brasileira para a bateria. Além disso, é um dos fundadores do grupo Som Imaginário e parceiro de três décadas de Milton Nascimento. Aprendeu a tocar por conta própria e aos 15 anos já atuava em bailes. Entre os nomes da MPB com quem já tocou destacam-se Chico Buarque, Gal Costa, Gilberto Gil, Guilherme Vergueiro, João Bosco, João Donato, Monica Salmaso, Nana Caymmi e Toninho Horta. Na seara do jazz, suas mãos e baquetas já serviram a Airto Moreira, Egberto Gismonti, Flora Purim, George Duke, Moacyr Santos, Ron Carter, Sarah Vaughan e Wayne Shorter, entre outros, sobretudo no período em que viveu nos Estados Unidos.

 

O Sarau em Casa realiza lives sempre às terças-feiras com o propósito de abrir espaço para a diversidade e riqueza das manifestações artísticas, além abordar temas relevantes para a cultura. É uma extensão online do evento Sarau ComVida, paralisado por causa da pandemia de Covid-19. Ao longo de 2019, o Sarau ComVida abriu espaço para mais de 100 artistas mostrarem seus trabalhos, de nomes de peso da música brasileira, como Robertinho Silva, Jane Duboc, Carlos Dafé, Azymuth, Kiko Continentino, Mauro Senise e Reppolho, à nova geração, como Luciane Dom, Beraderos, Chele, Nana Kozak, Anna Moura, Lílian Bonard e Soul Guanabara.

 

Ao longo da transmissão, o público poderá participar com perguntas e comentários, além de fazer contribuições conscientes por meio do “Chapéu Virtual” para manutenção e as ações sociais da Casa Com a Música e o SNCM. Para assistir à live, acesse www.facebook.com/casacomamusica ou www.instagram.com/casacomamusica

Continue Reading

Cultura

Rodrigo Tardelli fala sobre a revelação de “Dark Paradise”, próxima série da Ponto Ação Produções

Published

on

IMG 6270 Facetune 22 08 2019 14 16 39 Copia - Rodrigo Tardelli fala sobre a revelação de “Dark Paradise”, próxima série da Ponto Ação Produções

A notícia mais esperada pelos fãs da Ponto Ação Produções foi revelada na última segunda (29). Após ser a responsável por grandes webséries de sucesso internacional, a produtora de audiovisual independente já tem o nome da próxima produção a ser realizada após o período de pandemia que o país vive atualmente. Rodrigo Tardelli, ator e sócio da produtora não esconde a animação em revelar o futuro projeto.

Serial Killer, suspense, delegacia, investigações. Essas são algumas palavras-chaves que definem Dark Paradise, nome da história fictícia que ganhará vida no audiovisual. Produzir essa série sempre foi um desejo dos sócios da Ponto Ação, mas, diferentemente das outras, esta série promete ser um desafio para a produtora devido ao gênero que ela ocupa.

WhatsApp Image 2020 07 03 at 14.05.52 - Rodrigo Tardelli fala sobre a revelação de “Dark Paradise”, próxima série da Ponto Ação Produções

“É um gênero que eu gosto muito. Sempre assisti séries e filmes com serial killer e nessa temática. Produzir Dark Paradise é uma responsabilidade grande. É uma produção mais complicada e bem difícil de ser feita de forma independente. Mas, além disso, particularmente falando, é um assunto de interesse. Eu realmente gosto muito. E acho que rola um cuidado ainda maior quando é uma temática que a gente gosta e consome Olhamos com um olhar ainda mais critico do que já temos. O que me instiga é esse desafio, é fazer um gênero que eu amo e quase não vemos em produções brasileiras. Esse desafio me faz ficar cada vez mais movido. O desejo fica ainda mais intenso”, diz Rodrigo

A futura websérie vem de uma fanfic – história fictícia escrita por fãs – sobre o suposto relacionamento entre as cantoras Camila Cabello e Lauren Jauregui, ex integrantes do grupo Fifth Harmony. Gabriela Moura e Gabriela Rodrigues são as autoras da história original que já alcança mais de 3,8 milhões de leituras e está disponível nas plataformas online Wattpad e Social Spirit. Dark Paradise será a 5ª adaptação de fanfic realizada pela produtora.

Como uma das mais queridas pelo público, a reação após a revelação de que Dark Paradise viraria uma websérie, foi muito além do que imaginavam. Os sócios da Ponto Ação ficaram surpresos com o feedback após a live em que anunciaram.

“A galera recebeu muito bem. Fiquei muito feliz e surpreso porque foi muito melhor recebido do que eu imaginava. Viemos de um grande sucesso, que foi The Stripper, então fazer essa transição para outra serie é importante e pensei que, talvez poderia ter uma rejeição pela galera querer muito The Stripper. Mas não, eles super entenderam o porquê de ainda não termos produzido a segunda temporada de The Stripper e já abraçaram muito Dark. Acredito que só virão coisas boas. Estou bem satisfeito”. afirma o ator

Como resultado dessa recepção positiva da notícia, os fãs se uniram e levaram a frase “DARK PARADISE NA PONTO AÇÃO” para os trending topics do twitter, alcançando o 12º lugar dos assuntos mais comentados do Brasil.

WhatsApp Image 2020 07 03 at 14.14.13 - Rodrigo Tardelli fala sobre a revelação de “Dark Paradise”, próxima série da Ponto Ação Produções

“Eu não esperava. Tinha uma galera que já imaginava que seria Dark devido algumas pistas que demos. Durante a live eu dei a ideia de subir uma tag no twitter assim que acabássemos o ao vivo, e ainda enquanto fazíamos a segunda live que temos com os membros, a tag já estava nos trendings topics Brasil. Eu fiquei muito chocado. A galera se uniu muito com esse lançamento. Batemos recordes de visualizações no youtube com a live de revelação. A galera estava realmente curiosa. Eu fiquei muito feliz, porque o público comprou de imediato a nossa ideia e o nosso desejo”, pondera Tardelli.

Atualmente em processo de adaptação, a equipe da Ponto Ação já vem se esforçando para adiantar o máximo a pré-produção durante o isolamento social.

Sobre Dark Paradise

Além de ser baseada no suposto relacionamento entre as cantoras Camila Cabello e Lauren Jauregui, a história conta com personagens que representam Ally Brooke, Normani Kordei e Dinah Jane, que também pertenciam à banda. Completamente fictícia, a história refere-se à uma investigação policial no caso de um possível serial killer que age na cidade do Rio de Janeiro.

Como o mundo fictício dentro da fanfic escrita para plataformas online oferece diferentes possibilidades de imaginação das autoras, a adaptação para o audiovisual sofre mudanças devido à viabilidade da produção, principalmente por se tratar de uma produtora independente. Mas, além de mudanças estéticas, para diferenciar de produções anteriores, os personagens sofreram alterações nos nomes, mas claro que com o consentimento das autoras.

A trama se desenvolve com o relacionamento da jovem delegada Gabriela com Michelle, uma mulher encantadora. O que Gabriela não sabe é que, na verdade, Michelle é a própria serial killer que ela procura há meses.

Com todas as atitudes doentias, Michelle acreditava que fazia o errado pelos motivos certos. Acreditava que as atrocidades que fazia aos homens de caráter duvidoso – únicas vítimas da serial killer – eram o certo a se fazer. E mesmo com todas as falhas, Michelle, que tinha um passado familiar traumático, vai de encontro a um sentimento que nunca havia experimentado antes, o amor.

O talentoso Rodrigo Tardelli completa o núcleo policial que investiga o caso do tão procurado serial killer da cidade, em que interpretará Vicente. O ator afirma estar feliz com o futuro papel. “Meu personagem não era esse na primeira ideia. Mas conversamos muito e acabei ficando com o Vicente, que é a versão masculina da personagem Verônica, uma policial da história original. Antes eu faria um empresário e agora farei um policial. Vai ser um desafio como personagem, pois ainda não fiz nada parecido. Estou bem feliz. Sempre quis fazer coisas completamente diferentes. Isso me deixa mais empolgado. Gosto de me sentir desafiado e de estar sendo como um camaleão. Vida de ator é isso. Poder transitar por diferentes universos é o que faz essa profissão ser cada vez mais gostosa. E Dark é um universo completamente novo pra mim como ator”, conta.

Não temos dúvidas de que os fãs já estão ansiosos para conhecer esse universo de Dark no audiovisual. Quem não ficaria, não é mesmo? E como produtora independente, a Ponto Ação lançou um financiamento coletivo para ajudar a tirar a série do papel. Para contribuir para esse projeto e ajudá-lo a ganhar vida, clique AQUI! 

WhatsApp Image 2020 07 03 at 14.07.15 1 - Rodrigo Tardelli fala sobre a revelação de “Dark Paradise”, próxima série da Ponto Ação Produções

Continue Reading

Cultura

Diretamente do México, Sarau Em Casa recebe Guilherme e Maria Júlia Milagres

Published

on

By

Guilherme e Maria Júlia Milagres - Diretamente do México, Sarau Em Casa recebe Guilherme e Maria Júlia Milagres

Iniciativa da Casa Com a Música abre espaço para artistas mostrarem seus trabalhos

 

O projeto Sarau Em Casa recebe nesta terça, 30 de junho, os músicos Guilherme Milagres e Maria Júlia Milagres. Promovida pela Casa Com a Música em parceria com o Sindicato Nacional dos Compositores Musicais com lives às terças-feiras, a partir das 21h, a ação tem o propósito de abrir espaço para a diversidade e riqueza das manifestações artísticas e é uma extensão online do evento Sarau ComVida, paralisado por causa da pandemia de Covid-19.

 

Guilherme e Maria Júlia, pai e filha, são cariocas, mas com as suas trajetórias na música iniciadas no exterior. Guitarrista e violonista, Guilherme começou a carreira em 1989, na Bélgica, envolvendo-se posteriormente em projetos no Brasil, no Rio de Janeiro e em Pernambuco, e no México. Conquistou prêmios e participa de projetos nos Estados Unidos, no México, no Brasil e na Europa. No cinema, integrou a trilha sonora do filme “Uma Professora Muito Maluquinha” (2010), baseado na obra de Ziraldo. Já Maria Júlia é cantora e compositora e começou a carreira em 2017, no México, onde vive há seis anos. O seu estilo mergulha nas raízes brasileiras, sempre buscando conexões com novas referências. Concilia a atuação na cena cultural e do entretenimento com os estudos no renomado Centro de Estudos de Jazz, em Xalapa, capital do estado de Veracruz.

 

O repertório para a live reunirá clássicos que acompanham o desenvolvimento dos artistas e trabalhos autorais.

 

Ao longo de 2019, o Sarau ComVida abriu espaço para mais de 100 artistas mostrarem seus trabalhos, de nomes de peso da música brasileira, como Robertinho Silva, Jane Duboc, Carlos Dafé, Azymuth, Kiko Continentino, Mauro Senise e Reppolho, à nova geração, como Luciane Dom, Beraderos, Chele, Nana Kozak, Anna Moura, Lílian Bonard e Soul Guanabara.

 

Durante a apresentação, o público poderá fazer contribuições conscientes, por meio do “Chapéu Virtual”, para os artistas, a manutenção e as ações sociais da Casa Com a Música e do SNCM. Para assistir à live, acesse www.facebook.com/casacomamusica ou www.instagram.com/casacomamusica

Continue Reading

Trending

Copyright © 2020 Gazeta Nacional - Design by EGOBrazil.com